quinta-feira, 31 de agosto de 2017

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Hoje é dia de comprar e ler Outras dezessete noites

Tem exemplares disponíveis de Outras dezessete noites [Tulipas Negras, 2017], o meu sexto livro de contos, no Submarino. Custa R$ 40. Compre por aqui

Bilhetes para Wallace

Com Paulo Venturelli, que lançou Bilhetes para Wallace, na noite de 29 de agosto de 2017, no Bar Ornitorrinco.

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Deu na coluna do Aroldo Murá: Minda-au na APL

Deu na coluna do Aroldo Murá:

A disputa pela cadeira 22 da Academia Paranaense de Letras (APL) movimenta o meio cultural. Há quem diga que, nos bastidores, o embate até lembra uma disputa política, o que, de fato, é. Dois nomes já estão no páreo: Etel Frota e Marcio Renato dos Santos. Leitores e leitoras da coluna devem deduzir, de antemão, para qual dos dois iria o meu voto, se eu votasse.

AMIZADE EXPLICA

Basta mencionar que Marcio Renato dos Santos, além de amigo, assina a apresentação de meu livro mais recente. Ano passado, ele fez um discurso na cerimônia de lançamento de outro volume desta coleção que venho publicando. Somos amigos e essa amizade foi construída sobretudo devido a afinidades intelectuais.
Mas tenho grande apreço pela obra de Etel Frota, igualmente.

A OPINIÃO QUE REPERCUTE

Marcio Renato dos Santos, 43 anos, é um jornalista com atuação intensa na mídia local. Já trabalhou na Travessa dos Editores, onde atuou na revista Ideias desde a sua primeira edição. Depois, esteve na Gazeta do Povo, onde escreveu sobre política, cotidiano e cultura. Atualmente, produz reportagens para o jornal Cândido, da Biblioteca Pública do Paraná.

SEIS LIVROS DE CONTOS

No entanto, o que preciso ressaltar é a trajetória literária dele. Em sete anos, já publicou seis livros de contos, um livro com verbetes sobre Curitiba e uma obra sobre a Gazeta do Povo, esta em parceria com José Carlos Fernandes. Mais que tudo, Marcio — mestre em Estudos Literários pela UFPR — é um leitor, permanente, que confere lançamentos e retorna aos clássicos.

ENTREVISTANDO ESCRITORES

Vale acrescentar que por mais de uma década ele fez resenhas de livros, publicadas no jornal Rascunho, para o qual atualmente produz entrevistas com escritores brasileiros. Poderia dizer mais, muito mais, mas este breve resumo apresenta credenciais, mais do que suficientes, para os acadêmicos o elegerem para a Cadeira 22. Será uma excelente aquisição para os quadros da instituição que se moderniza e dialoga com a sociedade nesta gestão de Ernani Buchmann.

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Anelis Assumpção e os amigos imaginários


Livre Opinião indica Outras dezessete noites

O Livre Opinião indica oito livros lançados em 2017, entre eles Outras dezessete noites (Tulipas Negras, 2017), que publiquei em abril deste ano. Muito obrigado, querido Jorge Ialanji Filholini.

Golegolegolegolegah! com desconto na Saraiva

Golegolegolegolegah! (Travessa dos Editores, 2013), o meu segundo livro de contos, está em oferta na Saraiva. Por apenas R$ 17,90. Compre por aqui.

sábado, 19 de agosto de 2017

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Jamil Snege

Havia um rei, havia um reino; eu me errei.”
Frase de Como eu se fiz por si mesmo (1994), do Jamil Snege.

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Armando Freitas Filho

"Escrever por escrever
não para passar o tempo
mas para não sentir
que ele passa, com sua foice
cega, e corta ao acaso não só
quem a espera, e quem não."

Fragmento de "Escritor, escritório", do livro Rol, de Armando Freitas Filho.
 

Bach: French Suite No. 2 in C minor


Ronildo Pimentel lê Outras dezessete noites


O jornalista Ronildo Pimentel, que atualmente vive e trabalha em Palmas (PR), com exemplares de Outras dezessete noites [Tulipas Negras, 2017], o meu sexto livro de contos.

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Romance de formação no jornal Cândido


A edição 73 do jornal Cândido, editado mensalmente pela Biblioteca Pública do Paraná, traz uma reportagem que produzi sobre romance de formação. Entrevistei o professor da Pós-Graduação de Letras da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Lourival Holanda, o professor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) Marcus Soares e o romancista Michel Laub

Outros destaques da edição: texto de Alvaro Costa e Silva sobre os 120 anos da Academia Brasileira de Letras, reportagem sobre as novas metas da Academia Paranaense de Letras, que completa 81 anos em 2017, a participação de Marcelino Freireno projeto “Um Escritor na Biblioteca”, o conto “Literatura contemporânea”, de Fernando Bonassi, fotos de Cyro Ridal na seção Cliques em Curitiba e um poema de Adélia Maria Woellner.

Cantata BWV 4 "Christ lag in Todesbanden"